top of page

POR QUE É OBRIGATÓRIO

 Esse equipamento é de uso obrigatório, de acordo com o artigo 105 do Código de Trânsito Brasileiro, que estabelece também outras regras que vamos citar logo abaixo. São aparelhos obrigatórios dos veículos:

I – cinto de segurança, conforme regulamentação específica do CONTRAN, com exceção dos veículos destinados ao transporte de passageiros em percursos em que seja permitido viajar em pé.

II – para os veículos de transporte e de condução escolar, os de transporte de passageiros com mais de dez lugares e os de carga com peso bruto total superior a quatro mil, quinhentos e trinta e seis quilogramas, equipamento registrador instantâneo inalterável de velocidade e tempo.

A intenção nessa obrigatoriedade é de que, o tacógrafo, contribua para uma maior segurança nas estradas. Isso acontece porque, sabendo que estão sendo monitorados durante todo o trajeto, os motoristas tendem a assumir uma conduta de direção mais defensiva.

O que acontece se o caminhão não tiver o aparelho?

A multa de tacógrafo pode ser aplicada nos seguintes casos:

- Ausência por qualquer motivo;
- Não uso do aparelho;
- Adulteração das medições do tacógrafo.

Ou seja, qualquer uma dessas situações implica não só na perda de pontos da carteira do motorista, como no pagamento de uma multa por parte da transportadora.

bottom of page